(19) 3458.7399 / 3628.3361

(19) 9.9831-9323

objetivo@objetivosbo.com.br
Contato

CANAL DE NOTÍCIAS

Qual é a quantidade de açúcar que uma criança pode consumir?

E hoje vamos falar sobre o açúcar e quando pensamos em consumo de açúcar não é somente o açúcar refinado, mas todos os alimentos industrializados que contém na sua composição; e infelizmente, as crianças são o público alvo para os alimentos extremamente açucarados como achocolatados, sucos e refrigerantes, bolos prontos, ketchup, balas, pirulitos, chicletes, entre outras guloseimas.

Segundo a Academia Americana de Pediatria (AAP) bebês com idade inferior a 2 anos não devem consumir nenhum tipo de alimento que contenha açúcar refinado ou seja, nada de bolos, brigadeiros ou qualquer tipo de docinhos nos aniversários dos pequenos.

Já a partir do terceiro ano de vida e até a fase adulta, a Associação Americana do Coração (AHA) sugere que o consumo de açúcar não deva ultrapassar os 25 gramas, o equivalente a 2 colheres de sopa de açúcar.

Entretanto, muitas crianças ingerem alimentos que na sua composição contém muito mais do que duas colheres de sopa de açúcar. Alguns exemplos são refrigerantes, sucos industrializados ou de soja que tem em torno de 4 colheres de sopa (40 gramas) e achocolatados que contém aproximadamente 2 colheres de sopa (20gramas).

A alimentação das nossas crianças e adolescentes no Brasil é um problema de saúde pública. Um Estudo de Riscos Cardiovasculares em Adolescentes mostrou que os adolescentes brasileiros seguem uma dieta de alto risco para problemas cardiovasculares, doenças renais, diabetes, colesterol e obesidade. De acordo com o levantamento, o consumo de refrigerante e balas por jovens entre 12 e 17 anos supera o de frutas, verduras e hortaliças.

Uma dica: 10 gramas de açúcar equivalem a uma colher de sopa. Comece a ler os rótulos e se surpreenderá com a quantidade de açúcar que as indústrias colocam. E lembre-se, o açúcar pode estar descrito também como: sacarose, frutose, maltodextrina, lactose, dextrose, xarope de milho, xarope de malte, açúcar invertido, entre outros.

Alimentação é coisa séria!
Invista na sua saúde e da sua família. O Criansaúde está à disposição para ajudá-los.

Melisa S Gomez
Nutricionista CRN 33108
Especialização em Nutrição Clínica
Especialização em Atendimento Preventivo na Primeira Infância
Mestre em Saúde Coletiva.

Fonte: www.criansaude.com.br

Back to Top